• Sede Regional 3RE

Tempo para todas as coisas

Existem coisas que só saem da gente por escrito e eu sei, faz muito tempo que não escrevo por aqui. Isso significa que tem muita coisa que precisa ser posta na ponta do lápis.



Antes de continuar esse texto,

recomendo a leitura do livro de Gênesis, especialmente o capítulo 17. Nesse capítulo, Deus dá a Abraão um sinal de Sua Aliança.

Mas não foi isso que dessa vez me chamou mais atenção neste texto. Quero falar sobre um dos últimos assuntos que o Senhor tratou com Abraão: o nome de sua esposa.


Uma breve leitura pelo antigo testamento faz a gente perceber que as pessoas eram nomeadas de acordo com alguma característica que a elas era atribuída. Foi por isso que Abrão se tornou Abraão, porque agora ele seria pai de multidões (Gênesis 17.5) e essa mudança não foi somente com ele, Sarai também teve seu nome mudado.


No capítulo 15, Deus revela que a descendência de Abraão seria tão numerosa como as estrelas do céu, mas tinha algo que aparentemente atrapalhava a realização dessa palavra: um casal de idade avançada, onde a mulher era estéril.


Já o capítulo seguinte mostra que Sarai teve pressa em ter filhos e fez uma “gambiarra”, tentando atropelar todo o tempo de Deus. Envergonhada por não ser capaz de engravidar, se encontrou desesperada em dar filhos para seu marido e por isso entregou a ele Hagar, sua serva, para que ela pudesse gerar sua descendência.


Nesse momento, a dignidade de Sarai foi embora trazendo muita vergonha. Por conta de seu coração ferido, se tornou uma má senhora para sua serva, maltratando-a tanto a ponto de fazer com que Hagar decidisse ir embora, mesmo sem ter para onde ir. Eu imagino Deus de olho em toda essa situação… O que será que Ele pensava, não é mesmo?


Sinceramente,

não sei quais eram todos os pensamentos do Senhor sobre Sarai, mas definitivamente, Ele a amou demais! Mesmo depois de ter cavado seu próprio buraco, ignorando o tempo de Deus,

Sarai não recebeu culpa por seu erro, pelo contrário, seu nome se tornou Sara (Gênesis 17.15) que significa Princesa.


Você consegue entender como isso carrega um significado imenso? Nesse momento, quando o Eterno declara sobre a vida de Sara um novo nome, Ele transforma a vergonha dela em honra, dando novamente a dignidade que havia se perdido durante o caminho. O Senhor a fez como uma princesa, mostrando que existe um lugar no Reino para ela, não só como serva, mas como filha do Rei.


Espero que você entenda que isso não é somente sobre Sara, é sobre você também.

Não importa o tanto que seu pecado já te envergonhou, nem o tanto que você já se culpou por tudo o que já fez de errado, nosso Deus nos oferece recomeços, nos mostra que temos um lugar de honra junto dEle.

Eu sei, nós temos pressa em realizar aquilo que Ele nos promete, mas não se preocupe, existe tempo para todas as coisas. Processos são longos e exigem muito de nós, mas o resultado é sempre incrível, como tudo o que Deus faz.


De alguém que estava morrendo de saudade de inspiração/tempo pra escrever pra você,


Membro da Igreja Metodista em Vila Formosa e Vice-presidente da FeMeJu


#JuvenisMetô #JuvenisMetodistas #MocidadeMetodista #Metodista3re #IgrejaMetodista #MeioAmbiente

0 visualização
INSCREVA-SE E FIQUE ATUALIZADO!
  • Facebook iConexão
  • Facebook IM3RE
  • Instagram IM3RE
  • Twitter IM3RE
  • YouTube IM3RE
  • SoundCloud IM3RE
  • LinkedIn IM3RE
  • Maps IM3RE

Faça aqui a sua assinatura e as atualizações do informativo online!

© 2018 por Sede Regional da Igreja Metodista 3ªRE | iConexão.

Whatsapp: +55 (11) 9.8346.0020